Header Ads

ad

MUNDO SE PREPARA PARA HORA DO PLANETA .

Milhões de pessoas no mundo todo devem apagar as luzes do local onde estiverem neste sábado, 27, para participar da "Hora do Planeta", movimento organizado pelo Fundo Mundial para a Natureza (WWF). A mobilização está marcada para acontecer entre 20h30 e 21h30 nos fusos horários de cada país. Em 2009, 113 cidades brasileiras, incluindo 13 capitais, participaram da Hora do Planeta. Ícones como o Cristo Redentor no Rio de Janeiro, a Ponte Estaiada em São Paulo, o Congresso Nacional no Distrito Federal e o Teatro Amazonas em Manaus ficaram no escuro por sessenta minutos. De acordo com a organização, 51.926 pessoas registradas apagaram suas luzes. No mundo todo, estima-se que 1 bilhão de pessoas participaram da mobilização. Para este ano, outras capitais prometem participar, como Recife, Goiânia, Belém e São Luís, apagando as luzes de monumentos e edifícios importantes nas cidades.


A Hora do Planeta nasceu em Sydney (Austrália), em 2007, quando 2,2 milhões de pessoas permaneceram às escuras durante 60 minutos para sensibilizar a opinião pública sobre o consumo exagerado de eletricidade e a emissão excessiva de dióxido de carbono e suas consequências para o aquecimento global. Esta quarta edição, que acontece três meses depois do fracasso da cúpula do clima de Copenhague, promete ser a mais seguida, com 125 países participantes ante os 88 do ano anterior, segundo os organizadores. Centenas de locais mundialmente famosos devem ficar às escuras neste sábado. Sydney será, pela diferença de fuso horário, a primeira cidade a ficar no escuro (às 6h30 de sábado pelo horário de Brasília), com o apagar das luzes da Ópera. Depois, as luzes serão apagadas nas Pirâmides do Egito, na Fontana de Trevi e Torre de Pisa, na Itália, e na Torre Eiffel de Paris, entre outros ícones mundiais. Muitas multinacionais como o Google, Coca-Cola, Hilton, McDonalds, Canon, HSBC ou Ikea também aceitaram participar do apagão.

FONTE : AGÊNCIA EFE .

Nenhum comentário

ATENÇÃO!!! Tenha responsabilidade em seus comentários, não nos responsabilizamos por conteúdos impróprios .