Header Ads

ad

O CIRPA EM XIQUE-XIQUE COMEMORA SEU 1º ANIVERSÁRIO .

Parece que foi ontem que foram iniciados os trabalhos em Xique-Xique. Com todas as dificuldades de uma implantação, o trabalho foi iniciado com apenas um Técnico em Desenvolvimento Regional, Charles Fabian Alves dos Santos, Engênheiro de Pesca, que recebeu este grandioso desafio . Com o início das atividades, foram estabelecidos convênios e parcerias, trabalhando juntos: Prefeitura Municipal de Xique-Xique, Governo do Estado, através da Bahia Pesca e toda a comunidade com seu apoio e incentivo. É evidente para a região a importância do CIRPA Xique-Xique. Os alévinos produzidos além de revitalizar o Rio São Francisco trazem a esperança de dias melhores para os ribeirinhos que dependem da pesca para sobreviver, explorando o grande potêncial agrícola existente na região .

MÊMBROS DO CIRPA :

CODEVASF : Charles e Roberta – BAHIA PESCA : Jorge Meira – PREFEITURA MUNICIPAL DE XIQUE-XIQUE : Jackson Rabelo, Fabiane, Francisco Severiano (Branco), Adilson, Pedro, Naldo, Alfredo (Mocó) - ENPRESA TERCEIRIZADA (Seguranças) : Marcos, Marcelo, Daniel e Genildo(Galeguinho) .

No mês de Março deste ano o CIRPA recebeu os técnicos: Elijalma Augusto Bezerra da CODEVASF de Petrolina, Rogério Souza Soares da CODEVASF de Brasília e Paulo César de Oliveira Carvalho da CODEVASF de Irecê, e dois topógrafos do Projeto Boa Vista. O objetivo foi o elaborar o projeto de ampliação do CIRPA Xiquexique com a construção de novas instalações para, assim, aumentar e dinamizar sua estrutura. O projeto visa à construção de um auditório climatizado, com capacidade para 60 pessoas, onde serão ministrados palestras e cursos, serão construídas também biblioteca e sala de leitura, alojamentos para receber palestrantes, estudantes e pesquisadores que trarão mais desenvolvimento para a região . O laboratório será ampliando com a instalação de mais três tanques de reprodução, 15 tanques para pesquisa com larvicultura e alevinagem, ampliação do laboratório de limnologia e produção de microalgas. O CIRPA contará também com mais nove viveiros escavados, aumentando sua capacidade de produção para atender as associações e cooperativas da região .

AS AÇÕES DO CIRPA EM 1 ANO DE ATIVIDADE : 
-700.000 alevinos produzidos; (Tilápia, Tambaqui e Curimatá); Recuperação da estrutura física administrativa; Formação de plantel de peixes nativos (Surubim, Dourado, Piau verdadeiro, Matrinçhã e Piabas), Recuperação da estrutura laboratorial; Recuperação da rede elétrica; Aquisição de peças e materiais para manutenção e reposição dos veículos, máquinas e implementos; 50 000 juvenis de 21 gramas de Curimatá colocados no Rio São Francisco; Fornecimento de 200 mil alevinos em apoio a CIC (Centro Integrado de Ceraíma); 96 horas de cursos de capacitação com 03 módulos, com 68 capacitados (02 cursos de produção e gestão em Tanque-rede, viveiros e canais de irrigação e um curso de beneficiamento de pescado); Participação em reuniões institucionais (18 no total); Apoio a diversos municípios no repovoamento de 12 aguadas; Mapeamento e agendamento na área de atuação (36 municípios); Visitas técnicas e reuniões com associações de moradores rurais (25 no total); Fomento e instalação de 195 Tanques-rede na área de atuação;Visitas e acompanhamento técnico nos Tanques-rede existentes na região (500 Tanques-rede); Divulgação nos meios de comunicações regionais: No fomento, informações técnicas e acompanhamento técnico na atividade da aquicultura; Participação em 03 Comitês Gestores Municipais distintos e Distribuição de alevinos: Tilápia e Tambaqui para pequenos piscicultores nas associações rurais .

As associações e cooperativas que buscaram caminhos alternativos encontraram no CIRPA Xique-Xique um grande incentivador, pois foram através de suas capacitações, apoio técnico e estrutural que muitas pessoas encontraram novas fontes de trabalho e renda para toda a família .

PARABÉNS CIRPA!!!PARABÉNS CIX!!!!!!! Pelo seu primeiro aniversário!!!!!!!! Maio/2009-2010 .

FONTE : JORGE PINHEIRO MEIRA .

2 comentários:

  1. Filho de um pescador20/05/2010 06:34

    Parabéns ao pessoal que está levando a sério a Estação de Piscicultura de Xique-Xique!

    Estávamos precisando disso mesmo, já que a pesca predatória aí no município, assim como em outros, é praticada em grande escala e como consequencia, a diminuição e escacez de muitas espécies nativas, inviabilizando a comercialização dos pescados e comprometendo o futuro dos milhares de pescadores ribeirinhos.

    A Estação de Piscicultura de Xique-Xique serve como retaguarda para que nossas espécies nativas não venham se extinguir, além disso, a criação de peixe em cativeiro é uma atividade que cresceu muito no Brasil, gerando emprego e renda para os produtores.
    O caminho é esse!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns a todos por essa iniciativa!!! Quen ganha com isso é a população Xiquexiquense .

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!! Tenha responsabilidade em seus comentários, não nos responsabilizamos por conteúdos impróprios .