[NEWS][6]

r
v
xique-xique

ESPERANÇA NO SERTÃO: PROJETO NOVA CANAÃ TRANSFORMOU ÁREA SECA EM FAZENDA PRODUTIVA .

Criado há 13 anos na cidade de Irecê (BA), Projeto Nova Canaã transformou área seca em uma fazenda produtiva, onde crianças e adolescentes podem estudar, praticar esportes e se alimentar .

Todas as manhãs, sete ônibus atravessam estradas de terra do sertão nordestino levando mais de 550 crianças em direção a um oásis instalado a 500 quilômetros de Salvador, na cidade de Irecê, no interior da Bahia. Os veículos, desenvolvidos para o trânsito em área rural, destoam da paisagem árida. O destino deles é o Projeto Nova Canaã, que completou 13 anos, com festa realizada no fim de agosto. A comemoração reuniu dezenas de pessoas e contou com uma homenagem aos 170 colaboradores responsáveis por transformar a vida de milhares de famílias. A ideia de construir um espaço que pudesse devolver a esperança aos moradores de Irecê, cidade com mais de 65 mil habitantes, partiu de um sonho do líder da Igreja Universal, bispo Edir Macedo. A área de cerca de 500 hectares – o equivalente a 500 campos de futebol – ganhou o nome de Fazenda Canaã. O projeto baseou-se em experiências missionárias na África para instalar uma inovadora técnica de irrigação que, em poucos meses, converteu uma das áreas mais secas da Bahia em ponto de apoio. A região, que havia sido castigada com a estiagem no final da década de 1990, ganhava a perspectiva de um futuro melhor a partir da fundação do projeto . 


 








 


O local, batizado hoje de Projeto Nova Canaã, oferece educação e outras atividades, como prática de esportes, teatro, culinária e artesanato. “O projeto possui, ainda, uma biblioteca com diversos livros e revistas, que ajuda a despertar o hábito e o prazer de leitura nos alunos, além de auxiliar no desenvolvimento escolar”, afirma Ionice Silva, presidente do Instituto Ressoar, braço de responsabilidade social da Rede Record. A missão ainda conta com a parceria da Associação de Mulheres Cristãs (AMC). Todos os esforços deram resultados. Mais de 80 mil famílias já foram beneficiadas desde o início da ação. Cerca de 70 funcionários trabalham no atendimento diário de mais de 700 pessoas e os investimentos somam mais de R$ 44 milhões. “O Projeto Nova Canaã representa inclusão e dignidade para as famílias”, completa Ionice Silva. Cuidar da educação de crianças e jovens da região é um dos pontos fundamentais do projeto. Segundo a presidente do Instituto Ressoar, a formação de qualidade é o que permite a mudança de realidades. Crianças de 3 a 11 anos permanecem no Centro Educacional Betel (CEB) – escola sediada na própria fazenda – em período integral, de segunda a sexta-feira. As aulas regulares vão da pré-escola ao ensino fundamental. De acordo com o diretor executivo Miguel Berreilho, a previsão é que em janeiro de 2013 seja inaugurada uma escola técnica para que os alunos possam dar continuidade aos estudos. “Meu sonho para o futuro é que as crianças sejam incluídas no projeto com 3 anos de idade e saiam com nível superior em uma futura universidade dentro do Projeto Nova Canaã, que será um exemplo para o mundo.”Pensando no conforto e na segurança das crianças assistidas pelo projeto, a frota de ônibus foi modernizada, graças a uma parceira entre Rede Record, o Instituto Ressoar, e a MAN Latin America .

Os veículos, utilizados para transportar as crianças dos bairros e povoados onde residem até o CEB, foram entregues durante a comemoração dos 13 anos da instituição. Além das atividades em sala de aula, os alunos maiores contam com a prática de esportes em diversas modalidades como futebol, natação e judô. Aulas de capoeira, dança, teatro, culinária e artesanato também estão entre as atividades extracurriculares oferecidas durante o período da tarde. “Isso proporciona uma vivência a que eles jamais teriam acesso se não fosse pelo projeto”, destaca Ionice. Os alunos mais novos realizam atividades recreativas e aproveitam o momento de lazer na brinquedoteca.Os participantes ainda recebem assistência médica e odontológica, que se estende a todos os membros da família. Materiais de apoio como kit de higiene individual, livros didáticos e uniformes são distribuídos no local para todos. A administração da fazenda também se responsabiliza por exames e remédios prescritos pelos médicos. Não faltam cuidados quando o assunto é saúde. Após cada refeição, os estudantes se dirigem aos escovódromos, espaços construídos para que a hora de escovar os dentes seja tão divertida e interativa quanto um momento de lazer. Ao todo, eles realizam três refeições por dia e, ao retornar para casa, recebem um saco contendo pães, preparados na própria fazenda, para contribuir na alimentação da família. Todo o material didático e os uniformes também são fornecidos pelo próprio projeto. Os uniformes são confeccionados na fazenda, numa oficina de corte e costura equipada com maquinário completo. Mais de 80 mil famílias já foram beneficiadas .

redacao@folhauniversal.com.br 

FONTE: FOLHA UNIVERSAL .

Jornal Centro Oeste Bahia '

O oeste da Bahia se encontra aqui!

Start typing and press Enter to search