Header Ads

ad

RECORDAR É VIVER : HISTÓRIAS DO ESTÁDIO DR.HÉLCIO BESSA DE XIQUE-XIQUE BA .

6º ANIVERSÁRIO DO BAHIA///////////////////////////////////// SELEÇÃO DE XIQUEXIQUE, ANOS 30 .

BANCO DE REVERVAS///////////CABINE DE RÁDIO (Jorge Meira durante Transmissão) .
 


EM 2009 as arquibancadas do Hélção ficaram lotadas, o Estádio recebeu a equipe Masters do Flamengo do Rio de Janeiro, O Mengão veio com craques como: Andrade, Adílio, Valber e CIA .




Antes do Estádio, nos idos de 1955 a 1967, as equipes de futebol existentes em Xique-Xique, como : Esporte Clube Bahia, de Leopoldo; Ginásio Futebol Clube, de Dr. Hélcio, Operário Futebol Clube, de Waldir de Casé; Atlético Futebol Clube, de Doro Santana; Esporte Clube Flamengo, de João Pacheco; Esporte Clube Xique-Xique(Caveira) de Manoelzinho Bigorra, jogavam e disputavam amistosos e, esporadicamente, campeonatos e torneios em campos abertos, como: Campo do Bahia, Campo da Ponta da Ilha, Campo do Flamengo e campo do Xique-Xique (Caveira). Futebol em Xique-Xique, tornou-se uma grande atração, visto que, não havia outras opções de lazer, a cada final de semana, muita gente ia assistir aos jogos em volta dos campos. Nascia então à necessidade de terminar as obras do Estádio, que há anos estavam paralisadas . 

Dr. Hélcio Bessa, então diretor do Colégio Municipal Senhor do Bonfim, como desportista e dono de um time de futebol, e também aproveitando as circunstâncias de ser o único médico da cidade, tomou a iniciativa de concluir as obras do tão sonhado Estádio, e perseguindo o objetivo, realizou eventos para a aquisição de materiais de construção, como: bingos, sorteios, rifas, recebia doações, e em regime de mutirão, as equipes cediam, gratuitamente, profissionais dos seus planteis, como pedreiros, marceneiros, auxiliares de serviços gerais e a prefeitura cedia os metres-de-obras (João Araújo e Getúlio Cunha) e também, parte de materiais de construção, como : cal e tijolos cerâmicos .

Em mais ou menos, 1 ano e meio, (por volta de 1963) estava então, concluída a primeira etapa do Estádio, a murada com 2 metros de altura, cerca de arame em volta do campo, Traves de "madeira trabalhada" (antes era de carnaúba), portões, entre outras intervenções estruturais .

Por Jorge Meira ( Radialista, apresentador do Progama "Espaço Aberto" na Fm Xique-Xique e Colaborador do Blog XiqueSampa ) .

FONTE : XIQUESAMPA // JORGE MEIRA .
FOTOS : AVOZ, ANÍBAL JÚNIOR E JORGE MEIRA .

2 comentários:

  1. ditão de itaguaçu01/02/2013 21:30

    é imprecionante como jorge insistir em não dizer que quem contruiu o estádio foi seu tio manimeira quando era prefeito. deixa de picuinha com o grande homem que foi seu tio jorge, minha mãe me diz que ele ajudou tanto voces.

    ResponderExcluir
  2. Jorge Meira04/02/2013 21:26

    Ditão, você ouviu o canto do galo e desconhece a sua direção!
    Adriano Brito apenas resumiu a história do Estádio Dr. Hélcio Bessa!
    Joel Meira era o prefeito de Xique-Xique na época, a quem Dr. Hélcio pediu ajuda e foi atendido recebendo: Materiais de construção, como: alvenaria, cimento, vergalhões, britas, madeiras, 2 mestres de obras (Getúlio Cunha e João Araújo).
    Outro ponto que tenho registrado na História e que não fora postado é o nome do Estádio, que com a ocorrência do assassinato do presidente dos Estados Unidos: Jonh Kennedy, que era muito popular em todo o mundo, fazer homenagens ao mesmo dando nomes de: rua, avenidas, prédios públicas e etc, virou “febre” no nosso planeta e antes mesmo da inauguração do Estádio, Dr. Hélcio Bessa pediu ao prefeito Joel Meira que enviasse à Câmara de Vereadores um pedido para que o Estádio se chamasse: Jonh Kennedy. Joel Meira não atendeu ao pedido e disse que seria uma injustiça contrariar os apelos dos desportistas e comerciantes que queriam o nome de: Dr. Hélcio Bessa.
    Dr. Hélcio não convencido da homenagem pediu ao prefeito que colocasse então: Joelão. O que também não foi atendido. Os vereadores da época seguiram o raciocínio de Joel Meira e referendaram o nome de Estádio Municipal Dr. Hélcio Bessa.
    Ditão se apresente com o seu nome verdadeiro, assim, nos faz acreditar que tens um passado de máculas e sombrio. Não tente criar situações fantasiosas, factóide e intriga em torno da minha família tente se livrar de suas frustrações que, de certo, existem e tanto te incomodam, a ponto de, desfilar seu veneno contra pessoas dignas.
    O meu tio Joel Meira, que, aliás, o admiro muito e tenho um bom relacionamento familiar, foi prefeito por 2 vezes e mesmo vivendo em épocas antagônicas administrativamente comparando com os dias de hoje, soube respeitar seus patrícios e não praticou em seus governos o nepotismo! Meu pai era pedreiro autônomo e eu com apenas 13 anos o ajudava na condição de servente. (Outra história!).
    A falsidade, a mentira dissimulada são armas usadas por pessoas que enganam os outros, para atingirem seus objetivos egoístas.
    “Ditão”, não vem que não tem! Vai baixar em outro terreiro!


    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!! Tenha responsabilidade em seus comentários, não nos responsabilizamos por conteúdos impróprios .