Header Ads

ad

GERVÁSIO LIMA: RESPEITO, DECÊNCIA E MORALIDADE, ISTO SIM É AMOR A VIDA .

Apelação, banalização, aberração, descaração, ou simplesmente ‘amor à vida’? Com certeza esta última opção não é, nem seria, o objetivo real de uma das tramas noturnas de uma emissora de televisão brasileira que utiliza a frase como título .

Já as três primeiras representam fielmente a essência do que é mostrado diariamente, de segunda a sábado; e o pior, durante o chamado horário nobre, quando a maioria das famílias está reunida, acompanhando a programação da televisão. A maneira como são apresentados e tratados os homossexuais, seja em programas de humor ou de ficções baseadas na realidade como em novelas chega a constranger não apenas o telespectador, mas até mesmo as pessoas pertencentes a este grupo. São desrespeitosas e inconvenientes as cenas homoafetivas apresentadas insistentemente nos capítulos dos folhetins televisuais . 


Os valores familiares estão perdendo espaço para as opiniões dos que se acham ‘escritores de histórias de vida’, mas que na verdade não passam de paladinos da imoralidade. A sociedade está passando por uma profunda crise ética e moral porque a prática dos valores humanos está sendo esquecida. As pessoas vivem em momentos de tensão, correrias e o tempo sempre sendo o inimigo para ser combatido. Com isso a família não tem recebido a atenção devida. O tempo de dedicação é pouco. Aproveitando desta triste e ruim realidade, vários autores e diretores de programas de televisão utilizam de sentimentos perversos, dos seus gostos e desejos pessoais e adentram nos lares brasileiros para mostrar o que para eles é algo absolutamente normal, mas que na verdade é anormal e imoral. O conjunto de normas e regras que regulam o comportamento do homem em sociedade, adquiridas pela educação, pela tradição e na maioria das vezes pelo cotidiano, com o que se aprende no dia a dia, se chama ‘moral’. Já ‘ética’ é o conjunto de valores que orienta o comportamento do homem em relação aos outros homens na sociedade em que vive, garantindo, entre outras coisas, o bem-estar social .

Portanto, moral e ética são as formas que o homem deve se orientar e se comportar na sociedade. Sendo ‘moral’ aquilo que é correto, decente..., o incorreto e o indecente tudo aquilo que fere os princípios da moralidade e do respeito, pode se afirmar então que tencionar ou querer equalizar culturas e costumes, em um país onde as diferenças são tão imensas quanto o seu tamanho territorial, é imoral, injusto e criminoso, principalmente quando não são respeitadas as idades das pessoas, inclusive daquelas em formação de identidade, como os adolescentes. Infelizmente o valor está no ter e não no ser. O progresso, sobretudo o tecnológico (televisão, internet e outros), deu ao ser humano a sensação de independência. Isto tem contribuído grandemente para, entre outras coisas, a falência dos valores. Vale salientar que o comportamento e atitudes positivas serão responsáveis em nortear um futuro exemplar e gratificante. Longe de ser homofóbico ou fazer apologia à homofobia, ao contrário, os que prezam pelos valores estão defendendo e protegendo as diferenças, inclusive os normais e merecedores de respeito, homossexuais .

Por Gervásio Lima - Jornalista, historiado e colaborador do Blog Xiquesampa .

FONTE: XIQUESAMPA .

Nenhum comentário

ATENÇÃO!!! Tenha responsabilidade em seus comentários, não nos responsabilizamos por conteúdos impróprios .